Tecnologia do Blogger.

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Federação Terrestre

A Federação Terrestre (地球連邦 Chikyū Renpō?) é um governo global na série de televisão Mobile Suit Gundam. É uma das principais facções da linha do tempo da Universal Century.

Aparições
Anime: MSG
MSZG
MSG-ZZ
MSVG
Manga: MSCG
Filmes: Mobile Suit Gundam I
Mobile Suit Gundam II: Soldiers of Sorrow
Mobile Suit Gundam III: Encounters in Space
Mobile Suit Gundam: Char's Counterattack
Mobile Suit Gundam F91
OVA: 0080: WitP 
0083: SM
08th MST
MSG-UC 
Dados:
Propósito: Governo Global
Liderado por:  Ricardo Marcenas (1st)
Esfera de Influência: Terra
Facção Independente: Não
Subsidiárias: Earth Federation Forces
Federation Survey Service
Hervic Company
Inimigos: Principado de Zeon
AEUG/Karaba
Neo Zeon
Zanscare Empire
Aliados: Liga militar
Primeira aparição: 29 de Julho de  1999 U.C. (A.D.) 
Última aparição: 0218 U.C. 
Tecnologias e Mechas:
 AMS-119 Geara Doga
B Gundam
Base Jabber
Columbus-class
Dragonfly
FF-4 Toriares
FF-X7BstPLAN004 Core Booster Plan004
    FFB-7Bst Jet Core Booster II
    G-Bull
        G-Bull Easy
    G-Fighter Bomber Type
        G-Fighter Space Type
            G-Fighter Assault Landing Type
    G-Sky
    G-Sky Easy
    GP03-2 Dendrobium II
    Gunperry
        CB-X5(SGT) Assault Type Gunperry
    Jupitris-class
    MSZ-006A1 Zeta Plus A1
        MSZ-006D Zeta Plus D
    MSZ-006C1 (Bst) Zeta Plus C1 "Hummingbird"
    MSZ-009M Mega Zeta
    Model 133 Ball
    Public-class
    RB-79C Ball Type C
    RB-79K Ball Type K
    RB-79N Fisheye
    RGM-111 type B.T. Hardygun Blitzkrieg
    RGM-196 Freedom
    RGM-90 Jeddah Improve Type
    RX-166 Gundam Mk-III "Eagley"
    RX-78-2 Gundam C-Armor
    RX-78EX-PH-1 Zephyr Gundam
    RX-78SP Gunner Gundam
    RX-79BD-3 Blue Destiny Unit 3
    RX-81ST G-Line Standard Armor
    Sinope-class
    XM-07 Vigna Ghina
Veículos:
Base Jabber
    Columbus-class
    Dragonfly
    FF-4 Toriares
    FF-X7BstPLAN004 Core Booster Plan004
    FFB-7Bst Jet Core Booster II
    G-Bull
        G-Bull Easy
    G-Fighter Bomber Type
        G-Fighter Space Type
            G-Fighter Assault Landing Type
    G-Sky
    G-Sky Easy
    Gunperry
        CB-X5(SGT) Assault Type Gunperry
    Jupitris-class
    Public-class
    Sinope-class 

Organização:


A Federação Terrestre leva uma estrela do norte dourada ou branca, similar à NATO, que sobe um crescente horizontalmente, formando um símbolo de âncora.
A Federação é um governo global, formado por um "clube de homens ricos" das nações ricas. Em Gundam, nenhuma nação individual foi citada ou continua a existir. Os lugares são mencionados pela região em que se encontram, como New York (ou New Yark) e Odessa são mencioados como localizados na América do Norte e Ásia Central, e não Estados Unidos ou Ucrânia. Enquanto que Japão, Austrália e Irlanda são mencionados, esses nomes se referem a massa de terra e não aos antigos países. A única exceção a isso é o idioma e nacionalidade dos personagens, que podem ser interpretados baseando-se em suas terras natais antes de emigrar para o espaço.
O quartel general da Federação era um segredo, abaixo do complexo localizado em Jaburo, dentro da selva amazônica. Localizada no subterrâneo, para proteger contra os ataques de Zeon.
Ela mantém uma academia militar em Nijmegen apenas para aparências.
A Assembléia da Federação Terrestre, vista em Zeta Gundam, se localiza em Dakar.
Até UC 0093, a capital ficava em Lhasa.

Em G-Saviour, por volta de 0218, a Federação entra em colapso após exercer maior controle sobre todas as colônias em cada Side, assim como acabam anos de lutas internas e corrupção.

Regiões administrativas


A superfície da Terra é dividida em onze regiões administrativas primárias, com um território menos em regiões através do mundo. Não é revelado se nessas regiões se atua com certo grau de autonomia ou não.

  • América do Norte - Composta das antigas nações Canadá, Estados Unidos, México, Caribe, América Central, terminando no Canal do Panamá.
  • América do Sul
  • Europa Ocidental: No universo Gundam, a região é similar ao mapa político da época da Guerra fria.
  • Europa Oriental: No univrso Gundam a região é similar ao mapa político do Pacto de Varsóvia durante a Guerra Fria, incluindo a Rússia Ocidental e terminando nos Montes Urais e em torno no Rio Ural.
  • Eurasia: Essa região inclui a maior parte do que foi a União Soviética, começando das Montanhas Urais, e exclui o sul, sudoeste e noroeste da Ásia, Oriente Médio.
  • Sul da Ásia: A região também inclui sudoeste da Ásia.
  • Oeste da Ásia
  • Oriente Médio
  • Norte da África
  • África Sub Saara
  • Oceania

História


A Federação Terrestre foi formada na época pré-Universal Century (no fim do século 21), quando a superpopulação começou a causar fome e surtos de doença, e guerras para viver no espaço, comida e recursos.

Colonização Espacial


Para aliviar a Terra da carga, a Federação Terrestre anunciou o Plano de Colonização Espacial. Começaram então a construir habitats orbitais, baseados nos designs e pesquisas de Gerard K. O'Neill, e localizados no Ponto Lagrange Terra - Lua. As colonias, chamadas Bunches (possivelmente por causa do emparelhamento balístico dos cilindros das colônias) e então foram organizadas em setores administrativos denominadas Sides. Enquanto a maior parte da população é forçada a se realocar para as colonias como parte do Plano de Colonização Espacial, os saudáveis e influentres membros foram permitidos ficar na Terra. Isso fez crescer a imagem da Federação Terrestre como "Elite Nascida na Terra", vivendo confortavelmente na Terra enquanto que a população comum é forçada a viver no espaço.

Para manter e satisfazer as preocupações de energia, lançaram os Solar Power Station Satellites, que transmitiam energia às estações de energia. Além disso, lançaram a Frota de Energia Júpiter para coletar hélio-3, hidrogênio e metano da atmosfera do gigante gasoso. Em U.C. 001, a Federação elege seu primeiro Primeiro Ministro, Ricardo Marcenas, que estava preparado para revelar a Escritura da Universal Century. No entanto, antes que pudesse fazê-lo, sua colônia residência, Laplace, foi destruída por um grupo terrorista. Indiscutivelmente, a sabotagem foi a melhor coisa que poderia ter acontecido à Federação, pois desde então se permitiram ter autoridade sob o pretexto de prevenir o terrorismo.

One Year War


A One Year War foi um conflito de um ano entre a Federação Terrestre e o Principado de Zeon, que declarou independência da Terra sem aviso. A guerra foi vencida pela Federação, que separou o exército de Zeon. No entanto, por muitas razões, diversos incidentes foram causados pelas forças remanescentes e pelos leais.

O Conflito de Gryps


O Conflito de Gryps foi uma guerra de grande escala entre Titans, as forças de elite da Federação Terrestre e as forças anti federais AEUG/Karaba. A guerra teve seu estopim quando os Titans assassinaram massivamente a população civil da colônia 30 Bunch em Side 1, para suprimir demonstrações pacíficas contra os agentes federais políticos.

Os Movimentos Neo Zeon


A Primeira Neo Zeon foi uma guerra em grande escala entre Neo Zeon, liderada por Haman Karn e as Forças Federativas da AEUG/Earth. A guerra começou após o Conflito de Gryps. A Segunda Neo Zeon War também foi uma grande guerra entre Neo-Zeon, dessa vez liderada pelo Cometa Vermelho, e as Forças Especiais da Federação Londo Bell. A guerra implodiu após Char Aznable declarar guerra contra a Federação Terrestre, para que então ele pudesse começar uma nova era para a humanidade no espaço.

Mais tarde em UC


Depois das guerras, a liderança da Federação Terrestre foi colocada de volta nas mãos dos civis. O governo decidiu diminuir os gastos militares mas mantendo o mesmo tanto de forças. Isso começou o desenvolvimento de mobile suits menores. Sem perceber que a corporação do Bunch havia construído secretamente um exército privativo utilizando seu próprio estado de arte, mas extremamente caros. A Federação não sabia da existência da Crossbone Vanguard.

A Federação Terrestre não esperava produzir para todas as suas forças armadas e naquele momento quando a Federação se deu conta dos Ronahs já era muito tarde. Eles atacaram a fronteira de Side 4. Cosmo Babylon foi derrotada e a Federação os fez pagar por todos os Ronahs que fizeram. Eles confiscaram todas as construções de colônias e as não completas para uma diferente locação. Como resultado da perda de tantos recursos vitais, Cosmo Babylon foi forçada a declarar falência. Durante esse período a Assembleia, ou parte do que sobrou, foi movida para o espaço, na lua. Isso foi bem recebido pelos colonistas.

Tudo o que a Federação pode fazer foi esperar. Isso finalmente entrou em colapso em 3 guerras civis e após a Cosmo Babylon desmoronou Side 4 que os federados haviam retomado e moveram todas a uma nova localidade. Eles também secretamente apoiaram a Crossbone Vanguard contra a Frota de Energia Júpiter que haviam proclamado a si mesmos como Império Júpiter. Após a guerra a Federação enviou uma grande frota à Júpiter para retomá-la. Eles não encontraram muita resistência e providenciaram medicamentos ao povo de Júpiter e ontem foram anexados sem maiores problemas.

Tudo parecia bem e a humanização começou em torno da paz. No entanto uma crise economica atingiu as colonias e afetaram a Federação, devido a um desequilíbrio de trocas. A Federação agiu rápido o suficiente para prevenir que a crise se transformasse em uma depressão, mas a economia continuou altamente instável. Para ajudar a resolver a crise, eles isolaram a FT. Isso significa que eles ficaram confinados em suas bases. Como resultado, a maior parte do dinheiro do desenvolvimento foi para o ralo. Mas as Forças Federativas não diminuíram. O foco principal do governo Federativo era a crise economica, porque o futuro da Federação estava estagnado. Então devido à crise, alguns partidos anti-Federais aumentaram, como o partido de Gatte, que começou a espalhar a filosofia de Maria Pure Armonia. Ela era uma Newtype que fazia milagres para as pessoas e que defendia a independência da Federação, assim como o poder para as mulheres, o amor maternal e clamava pelos que acreditavam verdadeiramente na Terra. Primeiramente advogara em Side 1, mas o comandante local da Federação, percebendo a armadilha, os expulsou. Eles então se moveram para Side 2, na colônia Amillia, depois disso eles realmente ganharam popularidade com as colônias vizinhas. No entanto, isso aterrorizou muito a Federação e a maioria dos colonistas de Side 2.

Durante esse tempo, o partido Gatte se tornou mais radical. Eles demonstraram seu novo extremismo executando dois ministros de partidos corruptos em uma guilhotina. Eles então organizaram uma revolta em Amelia e outras colônias, que estavam encenando secretamente camisa amarela para o crescente partido Gatte. Como resultado do estado pouco desenvolvido do suit tumultuoso e limitado pelo fato de que eles não poderiam utilizar um Mobile Suit normal com os civis, eles logo conseguiram o controle de algumas colônias. As forças Federativas em Amelia fizeram seu última parada na fábrica de armas BESPA. Antes de serem derrotados, eles destruíram o material chave, que permitia a Federação fazer sua liga de Gunderium e seus VBSR beam rifles. Infelizmente eles não conseguiram destruir a BESPA, antes de ser invadida pelos camisa amarela do partido Gatte. Após as colônias se rebelarem, declararam Maria sua rainha e declararam guerra contra o Império Zanscare e que eram independentes da Federação Terrestre.

Depois disso, a Federação Terrestre declarou que as colônias apoiadas pela Zanscare foram mantidos por insurgentes e declarados como insurgentes. Eles não declararam guerra, pois isso iria arruinar a economia e eles não poderiam fazer nada devido à burocracia colocada pela Federação, que então ordenou que todas as colônias que eles possuíam em side 2 fossem movidas para side 5 com suas guarnições. O processou aconteceu de maneira vagarosa devido às barreiras economicas. Durante esse período a Liga Militar é formada para se opor a Zanscare, no evento eles decidiriam se invadiram a Terra por eles mesmo e ainda ganhar tempo para as Forças Federativas ficaram prontas.

Guerra Zanscare

Então em UC 0151, as Forças Federativas e a BESPA começaram a lutar como uma facção e começaram a tomar uma série de colônias. A Liga Militar foi formada e fez seu primeiro combate em U.C. 0153.

Após o incidente Woowng, Zanscare encontrou o locam onde ficavam as fábricas secretas da Liga e as destruiu. A Liga Militar planejou fazer do próprio jeito em uma base da Federação para conseguir o complexo mass driver. Durante esse período, a Federação finalmente aumento a insurreição da Zanscare para a guerra.

A Liga Militar planejou seguir ao espaço e conseguiu algumas naves obsoletas da Federação Terrestre. Durante esse período, a frota da Federação em Side 2 foi para longe das colônias que estava protegendo. Se dando conta que não poderiam mover as poucas colônias remanescente que tinham em Side 2, os cargueiros fizeram uma saída tática, juntamente com a última colônia que estava se movendo à Side 5. As guarnições terrestre ficaram para proteger as colônias remanescente e infligir danos às instalações de Zanscare . A Liga Militar tentou capturar o canhão de partículas Giga da Zanscare em uma batalha anterior à Primeira Batalha de Amelia.

Com as Forças Federativas disponíveis para ofensiva,a Liga Militar planejou ganhar tempo para usar o canhão de partículas Giga para atirar no alvo, que deveria ser para destruir Amelia, mas de alguma maneira o tiro foi redirecionado para Cronicle Asher. O redirecionamento veio com o preço de destruir uma das frotas principais de Zanscare, forçando-os a parar seus planos de conquistas as colônias remanescentes da Federação em Side 2. Isso permitiu que a Federação movesse as colônias restantes que estavam sob seu controle para Side 5.

Se dando conta que seus planos de conquistar Side 2 estavam arruinados e não havia nenhuma distração para incomodá-los, eles enviaram a recém construída frota Motorad da Terra. Devido àssanções, as forças Federativas na Terra não podiam pará-los. Com a Liga Militar falhando também em parar as forças Zanscare, as forças do Império estavam prontas para aterrizar em algum lugar no México. A Federação se deu conta de que poderiam ser derrotados e entre a escolha de lutar ou morrer como covardes, eles escolheram entrar em formação.

Enquanto Uso e seu amigo estavam longe, o governo da Federação Terrestre ordenou as Forças Federativas na Europa a saírem de suas bases e irem lutar contra as forças de Zanscare na Europa. Rapidamente conseguiram retomar o terreno perdido, se dando conta de que nada tinham  a perder. Enquanto a Federação disse que poderia ajudar a Liga Militar, mas devido ao fato que a Federação estava  eliminando massivamente seus cargueiros de batalha terrestres e que eles não conseguiram nenhum armamento pesado diretamente da frota inimiga, os mobile suits da Federação ficaram estacionados no México, podendo apenas lutar contra a frota Motora, estando em um impasse.

Havia um plano para atrair as forças de Zanscare ao quartel general das Forças Federativas na Califórnia, que estavam reforçadas por entre os anos com a habilidade de suportar uma queda de uma colônia inteira e que estava totalmente tripulada. No entanto a Zanscare soube e não houve uma forte batalha para adentrar até a mais fraca linha de defesa, e então atravessas essa instalação militar chave.

Devido à frente europeia da Zanscare ter ido mal e o fato de a frota Motorad ter sido destruída pelas forças combinadas da Federação e Liga Militar, ocasionou que Zanscare oferecesse cessar fogo à Federação.

Quando a Federação finalmente se deu conta das sanções, o governo central na Lua secretamente enviou uma frota EFSF para apoiar as forças da Liga Militar no espaço, que estavam oprimidas. A frota Federativa destruiu a linha de frente da Zanscare antes que se defendessem. Subsequentemente, as forças Federativas derrotaram a Zanscare em numerosas batalhas, enquanto que esta tinha muitos conflitos internos.

A Federação logo descobriu sua super arma, Angel Halo, que estava deixando as pessoas da Terra em estado de inconsciencia. A Federação então deu à Liga Militar o apoio total para destruir Angel Halo.

A batalha deveria ser decidida pelo fato de a humanidade continuava com raiva da atmosfera terrestre. Jinn Gehenam, líder da Liga Militar, ordenou um ataque à Angel Halo, apesar das forças combinada da Federação e da Liga não estarem completa e os reforços estarem a caminho. Vários membros chave da Liga e do Império Zanscare foram mortos durante essa batalha.

No apogeu do conflito, Shakti, filha de Maria, tomou controle do Angel Halo e tentou transmitir uma mensagem de paz que fora transmitida para toda a Esfera Terrestre com suas habilidades Newtype. Com a maioria da frota Zanscare confusa, as Forças da Federação sobrecarregaram as forças restantes. Uma grande parte da Angel Halo quebrou e desapareceu na Terra. As Forças Federativas foram capturadas pela Angel Halo mais cedo e foram resgatadas por reforços. Com o colapso do Império, após a guerra a Federação Terrestre retomou as colônias que estavam com Zanscare.


Militar


As Forças da Federação Terrestre são organizadas sob o nome de Forças Federativas, PARA (地球連邦軍), para impor o decreto da Federação. Elas são organizadas em três grupos: uma força de base militar na Terra, que cuida de todas as questões militares no mar, e na atmosfera Terrestre; e uma ramificação militar naval espacial, e entre as ramificações estava o Exército possui bases e tropas tanto na Terra quanto no espaço. De qualquer maneira, em Gundam 0080 e Gundam 0083, se referiam a essas forças como UNT Spacy, mas FEFT é o apelido oficial.

Originalmente, o nome nos anos 1980 era United Nations Troops (U.N.T.) e se referia como exército UNT army, grande UNT (primeiramente para as forças em terra, mais tarde o termo foi utilizado para as forças navais). Esse nome foi utilizado no Japão até 1999. Isso foi devido ao lançamento do modelo Perfect Grade do RX-78-2 Gundam. Todos os nomes foram mudados de UNT para FT EF e as forças UNT mudaram de nome para Forças Federativas. As publicações japonesas então renomearam todos para a nominação atual. O acrônimo U.N.T. foi modificado para Under Normal Tactical para prevenir confusão na série de anime e em model kits antigos. A razão da mudança é desconhecida, mas se convencionou que foi porque era o mesmo da série Macross e que talvez houvesse um conflito com o copyright americano, já que Gundam havia ido ao ar antes de Macross no Japão, porém na América foi o contrário, Macross (conhecido como Robotech) foi televisionada antes.

Até UC 0087, o comando militar central para as Forças Federativas estava localizado na base chamada Jaburo (ou Jabrow), localizada abaixo do rio da Amazônia. Durante a One Year War, a base foi alvo de diversos ataques do Principado de Zeon, incluindo a queda de colônia chamada Operation British e a batalha decisiva entre os restantes da Força de Ataque Terrestre de Zeon, quando tentaram destruir Jaburo. Pela Universal Century a Força Espacial da Federação Terrestre operou nos quarteís generais Luna II.

Força de Terra da Federação


As forças de terra são as mais mal equipadas de todas as frentes da Federação, possuem apenas armamento antigo. O exército foi pego de surpresa quando Zeon lançou sua operação para derrubar a colônia e acabaram perdendo a maior parte de seu tempo entre fevereiro e agosto de UC 0079 em desordem e retiro. O adicional de mobile suits fez muito para ajudar o Exército da Federação, e nos anos seguintes de guerra, a exército se tornou uma força a ser temida e construíram uma boa reputação. Durante a Universal Century, o Exército manteve 120 milhões de tropas durante todo o tempo, exceto a One Year War, quando sua força era maior e o exército era a única frente que operava na Terra e no Espaço, mesmo com a Federação tendo forças separadas para os dois locais.

A Marinha era o maior poder na Federação e tinha muitas bases na costa da Califórnia, conhecida como Base Califórnia. A marinha da Federação tomou sérios  danos após a falha da queda da colônia, e quando Zeon apreendeu a Base Califórnia na invasão à Terra durante a One Year War, eles converteram as fábricas para construir submarinos para Zeon. Apesar da base ter sido recuperada pelas Forças Federativas nas semanas seguintes, a Federação retomou o controle, porém a marinha ficou nas sombras e não voltou aos seus dias de glória. Os navios da Federação incluem gunboats, que apareceram em 08th MS Team e cargueiro aéreo, mas o total de navios e seus tipo é desconhecido.

Os oficiais navais eram os soldados mais bem treinados da Federação e no alvorecer da era da colonização, e consequentemente se tornou um modelo para a Federação quando criaram as Forças Espaciais Federativas.

Força Aérea da Federação Terrestre


Não se sabe muito sobre a força aérea da Federação, exceto do fato de existe e que participous de diversas campanhas. O grupo possuia diversas bombas poderosas criadas de peças de core booster deixadas do projeto de visão. No entanto, essas peças de equipamento eram raras. Os aviões eram antigos e não adptáveis aos combates com influência de partículas Minovsky. Eles não possuim poderio de fogo suficiente para destruir mobile suits, pois os mísseis guiados se tornaram parcialmente inúteis sob efeito das partículas, mas ao mesmo tempo os mobile suits podiam ser fortemente atingidos por aviões mais rápidos e a Federação raramente encontrava Mobile Suits. Sua missão principal durante a One Year War era interceptar a estrada atmosférica de veículos de Zeon com grande altitude, a FF-3 Saberfish (uma versão atmosférica do FF-S3 Saberfish que foi utilizada pela Força Espacial da Federação). Durante o curso da One Year War, vários pilotos do exército da acabaram como pilotos de Mobile Suit.

Spacy-jack


A U.N.T. Spacy navy jack. Mais tarde a Federação desistiu dela.


Forças Espaciais da Federação Terrestre


A quarta frente das Forças da Federação são as Forças Espaciais da Federação Terrestre. Essa frente foi criada para reforçar as edições do Governo da Federação Terrestre no espaço com guarnições do exército nas colônias. Dessa maneira, essa frente de serviço armado é quase que exclusivamente junto com o combate espacial. Antes da One Year War essa frente era lista dentro das demais e comandada pelos generais escolhidos pelos comandantes do Exército, Marinha e Força Aérea. Por exemplo,  o comandante chefe durante a One Year War, o General Revil, foi escolhido pelo Tenente General do Exército da Federação.

As Forças Espaciais da Federação são uma imagem espelhada da filosofia de navios "Big Gun", que incorpora armas para destruir os inimigos. Isso começou a mudar em UC0079, quando Zeon introduziu seus mobile suits, que basicamente dizimou a Força Espacial durante a batalha de Loum. O advento das forças de mobile suit forçaram a Federação a produzir seus próprios, além de cargueiros e navios que pudessem carregá-los, resultando no mobile suit carrier Pegasus-class. Após os remanescentes de Zeon executarem com sucesso a Operação Stardust, a Força Espacial foi finalmente abandonada por causa de sua oblescência se aproximando e o foco nos cargueiros capazes de transportar mobile suits.

Uma das ajudas das naves da Força Espaciais é que elas foram desenhadas suportar a re-entrada e para operar na Terra via Minovsky Craft System; essas naves primeiramente da Pegasus-class. Durante a Universal Century, a Federação Terrestre teve 17 mil naves de batalha em sua disposição, exceto durante a guerra de Neo Zeon. Mas depois de tudo, foram reconstruídos todos. Em U.C 0123, a Força Espacial da Federação tinha apenas 35 frotas a sua disposição.

Rank Militar das Forças Espaciais da Federação Terrestre


  •     Petty Officer Third Class (PO3)
  •     Petty Officer Second Class (PO2)
  •     Petty Officer First Class (PO1)
  •     Chief Petty Officer (CPO)
  •     Master Chief Petty Officer (MCPO)
  •     Warrant Officer (WO)
  •     Ensign (ENS)
  •     Lieutenant JG (LTJG)
  •     Lieutenant (LT)
  •     Lt. Commander (LCDR)
  •     Commander (CDR)
  •     Captain (CAPT)
  •     Commodore (CDRE)
  •     Rear Admiral (RDML)
  •     Vice Admiral (VADM)
  •     Admiral (ADM)

Trivia


  • Em Gundam 00, há uma Federação da Esfera Terrestre, que é muito similar à Federação Terrestre da Universal Century, principalmente em Gundam 00 S2, onde o governo da Federação era corrupto e suas forças independentes, A-Laws, faz mal uso de sua autoridade, assim como em Zeta Gundam com os Titans, a contraparte mais velha dos A-Laws. Mas ainda há diferenças entre as duas Federações. A Federação Terrestre é formada pela união de todos os países da Terra em uma unidade, enquanto a Federação da Esfera Terrestre é formada por 3 super poderes superpowers (HRL, Union, and AEU), que não incluem as nações que não os apoiem, e as nações do Oriente Médio. Essas nações não inclusas não são consideradas parte desta Federação.
  • A bandeira lembra muito a do Brasil.
  • Há muitas evidências de que a Origem da Federação foi na América do Sul.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores

Total de visualizações